Tags

, , , , , , , , , , , , , , , , ,

Okay, estou quase me convencendo de que eu não sou nada profissional nessa dura carreira de atriz, apesar de ter o Certificado (não o Diploma) de Artes Cênicas. Estou tentando descobrir onde é que eu me perdi nisso tudo. É preciso aprender… Muito! Principalmente quando se trata de Business pessoal. Aliás, o ator também faz Negócios. Opa, quem disse que não? Garanto que é muito mais difícil do que vender um produto ou os serviços de uma companhia, onde outras pessoas farão o serviço que você promete para o seu cliente. Que tal vender as suas habilidades onde você se compromete por inteiro? Nesse ramo, o truque é saber vender o próprio produto: O que você souber fazer de melhor! Acreditar no seu potencial e vendê-lo.

Desabafos da A-M-A-D-O-R-A:

  • Eu já tinha que ter o Headshot pronto desde que cheguei nessa cidade.

Amadorismo: Eu até tinha, mas… as fotos que eu escolhi eram preto & branco e apesar de terem sido feitas em um estúdio profissional, no Brasil, ainda tive uma equipe de produção para maquiagem e acessórios. Aqui, eles preferem Au Naturel.

Observação relevante: Outro dia mostrei minhas fotos à um dos professores substitutos, esperando um feedback. Ao invés de escutar um: “Nossa, que linda! Suas fotos são ótimas, tenho certeza que você será a próxima queridinha da HBO”, fui nocauteada por um: “Sério? É isso mesmo que você pretende apresentar para as Agências? Nada a ver, pode jogar fora e fazer outras. Eles não querem ver como você se parece no melhor dia da sua vida! Eles querem ver o seu rosto natural, como tal.” E isso, ele disse na frente dos meus colegas de sala, como se eu estivesse servindo de mau exemplo: Alunos, lição do dia: Isso é o que vocês jamais deveriam fazer!!! (E apesar de não ter acontecido, me veio na cabeça aquela típica cena de filme, onde eu só escuto as risadas de todos na sala, bem devagar, em slow motion, enquanto o momento vai parando e a voz do professor se transforma em voz de monstro). A medida que ele falava, meu queixo caía mais e as suas palavras íam pintando as minhas bochechas num tom de vermelho, do tipo Tijolo refratário. A vergonha me tomou de surpresa.

Mas eu sou atriz, eu deveria saber…

  •  Como é que eu não sei montar um Curriculum Artístico PARA ATORES?

Amadorismo: É… Deixa eu pensar… Hm, Curriculum Vitae? Não, idiota! Curriculums geralmente tem suas experiências profissionais, não tem? Pois é, quando se trata de Atores, deve-se colocar suas apresentações artísticas, seja em palco, televisão, comercial, filme, etc. Que mais? Habilidades específicas, Idiomas, Educação, Coisas que você tenha e que possam incluir ou ajudar em alguma cena.

Observação relevante: Não imaginei que tivesse que colocar num Curriculum Artístico coisas do tipo:

Skills: Esgrima, Carteira de Motorista, Natação, Artes Marciais, Sapateado, Dança Folclórica Russa, Canto, Pular corda, Andar de Bicicleta, Capoeira, Yoga.

Miscellaneous: Malas, Prancha de Surf, Snorkel, Paraquedas.

Wardrobe: Smoking, Uniforme Militar, Roupa social, Biquini, Vestido de Gala.

Vehicle – Carro / Moto / Triciclo: Ano, modelo, cor.

Tudo bem, as habilidades são fundamentais, mas afinal, porque eles iam querer saber que carro ou que roupas você tem? Porque tudo pode ser usado em cena. Se você tem uma roupa de astronauta, por este motivo você pode entrar no filme, ou “alugar” para outra pessoa utilizar seu figurino. O carro é a mesma coisa, eles podem usar seu Ford, 1954, vermelho por $200 ou qualquer acordo que vocês venham a estabelecer.

Mas eu sou atriz, eu deveria saber…

Será que eu perdi a minha aula de faculdade onde eles explicam tudo isso? Ou será que eles não ensinaram em NENHUMA DAS MINHAS AULAS como montar um Curriculum Artístico ou como fazer a Headshot perfeita? Ou talvez eles não precisem de nada disso no Brasil. E agora?

Às vezes, os professores esquecem de ensinar as coisas mais básicas sobre uma matéria ou uma profissão, porque presumem que os alunos já sabem ou deveriam saber antes mesmo de entrar no curso. E pior do que isso, é não recomendar livros ou sites que falem sobre o Business por achar que são comerciais demais. Tenha dó!

Como é que vamos saber se ninguém nos explica?

Não nascemos sabendo tudo, okay?